Conheça as grandes mulheres da tecnologia

No items found.
31/7/2019
Bárbara Rossalli
Backend Developer

Apaixonada por Java. Acredito que programar vai além de escrever linhas de código, é resolver problemas, entregar valor e mudar o mundo.

Sou mulher, programadora e formada em Tecnologia da Informação pela FATEC. Fui umas das poucas mulheres no meu curso e sou uma das poucas mulheres na área de desenvolvimento da minha empresa.

Somos minoria na indústria, mas as mulheres desempenharam importantes contribuições na história da tecnologia, e sem essas contribuições provavelmente os computadores não existiriam como conhecemos hoje.

A área de tecnologia ainda é composta por uma maioria de homens, e as mulheres podem e devem ter mais reconhecimento e representatividade.

Sem mais delongas, lhes apresento, as fucking mulheres da tecnologia

ADA LOVELACE

Ada Augusta King, Condensa de Lovelace (1815–1852)

Ada foi uma matemática e escritora inglesa pioneira na área. Ela recebeu o título de primeira programadora da história.

Aos 18 anos, Ada conheceu o trabalho do cientista Charles Babbage, a Máquina de Diferenças, e traduziu para o inglês o artigo em francês realizado por ele; acrescentando notas nas quais descrevia como alimentar a máquina analítica de Babbage com cartões perfurados.

Ela desenvolveu os algoritmos que permitiram a máquina computar os valores de funções matemática e esse foi o primeiro algoritmo para ser lido por uma máquina. Seu trabalho serviu de inspiração para Alan Turing, cujo trabalho resultou no computador como conhecemos hoje.

AS GAROTAS DO ENIAC

ENIAC foi o primeiro computador digital eletrônico, criado em 1946.

O seu sistema operacional era através de cartões perfurados e para realizar sua programação era necessário uma grande quantidade de pessoas, que percorriam suas longas filas de interruptores dando as instruções necessárias à máquina para calcular o que fosse necessário. Um grupo de 80 matemáticas que trabalhavam com cálculos balísticos na Universidade da Pensilvânia foi responsável por realizar esse trabalho.

Dentre elas, Kathleen McNulty, Mauchly Antonelli, Jean Jennings Bartik, Frances Synder Holber, Marlyn Wescoff Meltzer, Frances Bilas Spence e Ruth Lichterman Teitelbaum foram selecionadas para automatizar o processo do ENIAC.

Toda a programação do supercomputador foi feita pelo grupo de mulheres, mas elas nunca receberam o crédito por isso.

GRACE HOPPER

Grace Murray Hopper (1906–1992)

Almirante e analista de sistemas da Marinha dos EUA e Ph.D em Matemática, foi a criadora da linguagem de programação baseada no inglês chamada FLOW-MATIC, que serviu como base para a criação da linguagem COBOL.

Ela é responsável pelos termos “bug” e “debug”. Em 1945, enquanto escrevia um programa para o computador Mark I, este parou de funcionar e ao tentar encontrar o problema, achou uma mariposa (bug) interrompendo os circuitos da máquina e, ao retirá-la (debugging), a máquina voltou a funcionar. A ideia de compiladores é também de sua responsabilidade.

MARGARET HEAFIELD HAMILTON

É uma matemática, engenheira e cientista da computação responsável por desenvolver o programa de voo utilizado no projeto Apollo 11, o qual impediu que o pouso na Lua fosse abortado por falha humana. Ela era diretora da divisão de software no laboratório de instrumentação do MIT, que desenvolveu o sistema utilizado no projeto.

Além disso, recebe os créditos por criar o termo “engenharia de software”. Criadora também dos conceitos de computação paralela, priority scheduling, teste de sistema, e capacidade de decisão com integração humana.

Recentemente foi premiada com a Medalha Presidencial da Liberdade pelo ex-presidente dos EUA, Barack Obama.

LOIS HAIBT

Cientista da Computação famosa por ter sido um dos 10 membros do time que desenvolveu a linguagem de programação FORTRAN, a primeira linguagem de alto nivel de sucesso.

Ela trabalhou durante anos como Analista de Sistemas e pesquisadora. Seu trabalho incluiu trabalhar na visualização de estruturas de programas usando um programa que ela desenvolveu para desenhar diagramas de fluxo de vários níveis. Em anos posteriores, ela trabalhou na análise de Redes de Petri gerando programas a partir deles.

IRMÃ MARY KENNETH KELLER

Cientista da Computação, foi a primeira mulher a receber um doutorado em Ciências da Computação. Contribuiu na criação da linguagem BASIC, escreveu diversos livros sobre computação e programação e sempre trabalhou na área de ensino. Fundou o departamento de ciências da computação na Universidade Clarke, onde trabalhou até a sua morte em 1985.

Foi uma das pioneiras na luta pela inclusão das mulheres no ramo da informática.

CAROL SHAW

É considerada a primeira mulher a trabalhar na indústria de games. Foi uma das funcionárias originárias do Atari e posteriormente da Activision. Participou do desenvolvimento de jogos como River Raid, 3D Tic Tac Toe, Super Breakout e Happy Trails.

Essas são todas as mulheres importantes da tecnologia?

Não! A lista é extensa e essas são apenas algumas das importantes mulheres da área. Existem muitas outras histórias que valem a pena ser contadas.

Nós mulheres somos capazes de nos destacar em qualquer área que desejarmos atuar, inclusive naquelas consideradas erroneamente como “coisa de homem”. Assim como um homem é capaz de se destacar em uma área também erroneamente considerada como “coisa de mulher”.

Conhece uma mulher que não está nessa lista? Conta pra gente nos comentários!

O que você achou deste conteúdo?
Quer receber nossos conteúdos?
Seu cadastro foi efetuado com sucesso! Enviaremos as novidades no seu email.
Oops! Something went wrong while submitting the form.