Product Sense: o que é e por onde começar?

Neste artigo você vai ver:

Você já usou um aplicativo e se perguntou “por que essa decisão foi tomada?”. Por exemplo, por que o Uber Eats vai parar de entregar comida? Por que o Instagram está priorizando a entrega de vídeos ao invés de fotos? Por que o Facebook insiste em te lembrar do aniversário dos seus amigos? A resposta para essas perguntas tem muita relação com o entendimento do produto como um todo, suas dimensões e principalmente com o Product Sense. 

Você sabe o que é Product Sense? Já ouviu esse termo? Pois hoje eu vou te contar um pouquinho mais sobre ele.

Dimensões do Produto

Para poder falar de Product Sense, precisamos entender o conceito de Produto como um todo. Quando falamos de produto, existem algumas dimensões que precisam ser levadas em consideração: 

  • Product Vision (Visão do Produto); 
  • Product Strategy (Estratégia do produto);
  • Product Execution / Delivery (Execução / Entrega do produto). 

Quanto mais você se aprofunda sobre esses temas, maior é o seu “olhar de produto” e consequentemente o seu Product Sense

A seguir vamos ver em detalhes cada uma dessas dimensões.

Product Vision (Visão do Produto)

Tudo começa pela Visão do Produto, ela deve ser sua bússola e vai direcionar o seu produto para onde você quer chegar. Uma visão precisa ser bem definida a longo prazo para poder nortear as decisões que serão tomadas com relação ao produto. Nada mais é do que o entendimento de como será o seu produto no futuro, onde você quer chegar. 

Geralmente a visão é definida em apenas uma frase objetiva. Aqui vou trazer alguns exemplos de “visão do produto” de grandes empresas que seguem a risca o que foi definido:

Ícone e nome de grandes empresas com suas respectivas visões. Apple, ícone maçã Apple e visão: "Mudar o mundo através da tecnologia". Microsoft, ícone colorido da Microsoft e visão: "Conceber as coisas globalmente e fazer diferença nas vidas e nas organizações em todos os cantos do planeta". Nike, ícone da Nike e visão: "Ser uma referência em artigos esportivos mantendo assim um vínculo com qualidade de vida e de pessoas."

Product Strategy (Estratégia do Produto) 

Com uma visão bem definida, é o momento de entender qual será a estratégia do seu produto, isso é, qual é o seu plano para alcançar a visão? A estratégia do produto ajuda Product Managers (PM) e o time a terem visibilidade do que a empresa espera realizar com seu produto e como planeja fazer isso. 

A estratégia deve girar em torno do problema que você pretende resolver como produto, considerando o público-alvo, concorrentes, canais de comunicação e expansão, além de métricas que o produto precisa acompanhar para garantir o sucesso. 

A estratégia deve responder a duas principais perguntas:

  • Quem o produto atende? (público-alvo / personas)
  • Como ele beneficia esse público? (diferencial)

Tudo gira em torno dessas duas perguntas, elas devem estar na ponta da língua de todas as pessoas envolvidas, e devem ser revisadas de maneira periódica.

Organograma que mostra o relacionamento da visão, estratégia  (envolve clientes, negócio, competidores e visão macro) e roadmap.
Fonte: Product Plan.

Existem diversas dinâmicas, templates e ferramentas que te ajudam a definir muito bem sua estratégia, mas esse é um assunto muito amplo, e que merece estar em um outro artigo exclusivo. 

Product Execution / Delivery (Execução / Entrega do Produto)

Tudo certo, visão definida, estratégia perfeita, e agora? 

O desafio da execução e entrega do produto é conseguir definir um roadmap, isso é, um “mapa” de evolução do produto, entender qual caminho seguir e quais serão os próximos passos.

De acordo com o artigo do Blog MindMiners, 8 passos para criar um roadmap de produto, “Um roadmap de produto é um plano que combina os objetivos do negócio, as necessidades e desejos dos clientes em relação a esse produto e as tarefas necessárias para atingir esses objetivos. Ele mostrará um roteiro do que deve ser feito ao longo do tempo com o objetivo de transformar em realidade as funcionalidades do produto.” 

Pilares da execução de um produto

Além de ter um plano definido, é o momento de acompanhar os pilares da execução de um produto, por exemplo:

  • Time Multidisciplinar – Você tem um time multidisciplinar para entregar o que foi mapeado? Quais skills você precisa para seguir o seu roadmap? 
  • Processos de produto –  Seu cliente está gostando? Você tem um mapeamento claro de personas? Você está fazendo pesquisa? Sabe os pontos fortes e fracos dos seus concorrentes?
  • Growth – O quanto você está olhando para o crescimento do seu produto? Quais dados você está analisando para tomar as próximas decisões? O que está sendo validado com seu público-alvo? Quais são suas hipóteses priorizadas?
  • DevOps / Agilidade –  Você sabe aplicar metodologias ágeis? Quais ritos são necessários? E as boas práticas que sempre foram utilizadas para projetos, seu time conhece? Quantos deploys você consegue fazer por dia? Qual sua velocidade de entrega para o cliente final? E a qualidade do produto, você está olhando para ela? 

A execução / entrega do produto é uma dimensão gigante que engloba todo o conhecimento de boas práticas de desenvolvimento, agilidade, além de um senso crítico de todos. 

Com isso, o time consegue entregar as features definidas e continua sendo desafiado no dia a dia para resolver os problemas da melhor forma possível, mais rápida e com maior impacto. 

Mas e o Product Sense? Como ele se encaixa com tudo isso? 

Agora que você conhece as principais dimensões do produto, como lidar com tudo isso? Você sabe tomar as melhores decisões? Saber qual decisão tomar, quem envolver, o que levar em consideração é o Product Sense na veia. 

Product Sense é a capacidade de entender o que torna um produto excelente, saber lidar com problemas complexos de produtos, saber priorizá-los, entender o contexto como um todo. 

Porém, Product Sense é uma habilidade, e como qualquer habilidade ela só é aprimorada com prática, execução e constância. Por isso, o nome “senso/sentido”, é quando você executa tanto, que essa habilidade se torna um instinto natural, uma paixão. 

Quer ouvir conhecer ainda mais sobre Product Sense em um bate papo leve e descontraído? Então ouça o episódio do ZupCast especial sobre o tema:

Quais são as skills necessárias para desenvolver seu Product Sense?

Por ser uma habilidade, é necessário tomar ações no dia a dia para que seu Product Sense se torne cada dia melhor. Como Product Manager, ter um talento para pensar em produtos digitais irá te ajudar a avançar muito mais rápido na carreira e existem algumas habilidades que você deve desenvolver para criar um: 

  • Entenda profundamente e saiba compartilhar com o time todas as dimensões do produto, dominar o negócio e conhecer seu usuário.
  • Tenha empatia e foque na observação: preste atenção em stakeholders,  time e clientes. Aprenda a reconhecer quando as pessoas estão satisfeitas ou insatisfeitas com um produto.
  • Se guie pela visão do produto e saiba tomar decisões baseadas na estratégia que foi definida. Parece simples, mas não se perder e conseguir direcionar todos para o mesmo caminho é um grande desafio.
  • Não trabalhe com “achismos”. Saiba tomar decisões baseada em dados, faça pesquisas, entenda seu usuário, entenda a dificuldade técnica do seu produto e ouça seu time. 

Conclusão

O senso de produto é o que diferencia um PM, porém ele é extremamente importante para todas as pessoas envolvidas. Ter um time multidisciplinar, que traz opiniões e pontos de vista diferentes, reduz vieses para tomar uma decisão. 

Em poucas palavras, ter um Product Sense é compreender todas as possibilidades, saber priorizar, o que testar, quem envolver e não apenas encontrar uma resposta correta para os problemas. 

Pratique e entenda metodologias ágeis e boas práticas de gerenciamento de projetos, “produtos” não é uma substituição. Entenda todo o processo de discovery e delivery, não se limite apenas ao técnico e nem apenas ao design.  

A intuição é o pensamento rápido que vem através de muita prática e experiência. O elemento chave do senso de produto é o domínio do conhecimento, então, pratique, pratique e pratique. 

Referências

Capa do artigo sobre Product Sense, onde duas pessoas estão a frente de um computador, tablet e alguns rascunhos em papel na mesa de trabalho.
Foto Victoria Goncalves
Product Manager | Community Manager
Apaixonada por gestão de pessoas e resolver problemas. Entusiasta de conteúdos de Produto, Discovery, Growth, Marketing, Estratégia e Liderança feminina.

Artigos relacionados

Este site utiliza cookies para proporcionar uma experiência de navegação melhor. Consulte nossa Política de Privacidade.